Não há nada aleatório

Salvador

Hoje, no culto da manhã da Igreja presbiteriana das Graças (Recife-PE), o pastor Leonardo Cavalcante leu em Lucas 2. 1-20. Fala sobre o nascimento de Jesus, o salvador.

A duas perspectivas

Inicialmente, ele explicou que iria falar sobre duas perspectivas: a primeira seria a do homem natural, ou seja, aqueles que não conhecem a Deus. A segunda seria a visão de Deus sobre a história.

Antes de mais nada, quero explicar que esse texto não é uma transcrição do sermão, mas são de alguns pontos. Todavia, se quiser ver o sermão completo, clica aqui! Esse link é do culto ao vivo.

De acordo com o texto de Lucas, vemos que houve um decreto para alistamento. Um censo precisava ser feito. O homem natural, naquela época, poderia pensar que era mais uma decisão do dia a dia. E quantos ainda hoje podem pensar assim?! Há quem pense que tudo ocorre ao acaso, que é o dono, protagonista da história. Sem dúvida vemos isso desde Gênesis 3.

Inegavelmente, a pessoa que não conhece a Deus vive para si. Tenta se afirmar pelos títulos, posses etc., pois busca satisfação e significado na vida com coisas passageiras. Pensando que é o autor da sua história, nega que há um regente soberano, eterno.

E é aqui que temos a visão de Deus sobre a história. Pela Bíblia, vemos que Deus planejou a redenção do homem na eternidade.

Deus é soberano! Controla a história e define seus filhos a partir dEle. Aquele censo foi apenas um dos instrumentos de Deus dentro da história planejada por Ele. Podemos ver isso quando, 770 a.C. Miqueias profetizava:

“E tu, Belé-Efrata, pequena demais para figurar como grupo de milhares de Judá, de ti me sairá o que há de reinar em israel, e cujas origens são desde os tempos antigos, desde os dias da eternidade”. (Miqueias 5.2)

Planejamento

De acordo com as Escrituras vemos que tudo é planejado. Seguimos um curso determinado por Deus. Podemos descansar, pois nossa vida não está ao acaso. Há um plano redentivo.

Jesus: senhor e salvador

A Palavra é clara em mostrar como tudo convergiu para o nascimento de Cristo, lá em Belém. Tantas pessoas, tantas vidas, tantas rotinas e penso que é até sem lógica pensar que nisso tudo não houve um bom planejamento. De igual modo vejo nossas vidas. Não há nada aleatória. Inegavelmente, no passado tudo ocorreu para Cristo nascer, atualmente, tudo converge para quando Cristo voltar.

Nosso salvador veio para morrer e com isso nos salvar. Ele também é nosso Senhor e, sem dúvida,é pura graça obedecê-lo. Ele prometeu que virá. E, do mesmo modo como tudo se cumpriu para seu nascimento, podemos confiar que de igual modo será para a sua volta.

De acordo com Romanos 8. 28-29 vemos que tudo coopera para nos deixar mais parecidos com Cristo. Temos um pai que cuida de nós, por isso não precisamos viver ansiosos, preocupados. Temos um Senhor e Salvador que zela de nós.

E, por fim, clica aqui pra ler outros textos! 😀

Salvador
Pois Deus é soberano e tudo converge para a Glória dEle.
Jesus é nosso Senhor e Salvador!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.